Música

sexta-feira, dezembro 16, 2016

sonhos de leveza II

No encalço
desses qve sonhamos
na estela na esteira a dançar
em pvro vnento por e ntrio  ar
qvando  lhes reconhecemos o rosto
apenas e a penas sendoa gosto
qvando se lhes corrige
e se lhes reconhece
se lhes erige de novo
o  mavsolev vivente

Sem comentários: