Música

sexta-feira, setembro 25, 2015

@ CANDEIA... MAIS ÍNFIMA... NO MAIS ALTO DE UM MONTE - AMPARADA SENDO - PELA FORÇA QUE ASSIM @ SUPORTE @ SUSTENTE E A FAÇA MAIS BRIOSA E MAIS LIVRE EM FORÇA FORMA DE GENTE... POR ENTRE A TEMPESTADE MAIS NÃO ESMORECE NEM MORRE SE FAZ ASSIM - TRANSCENDENTE!....

A GRAÇA QUE TROV@ ... @ QUE CHORA... SILENTE E SÓ... ... asas de amor e de amar.... em marés a teus pés reflexos.... que vem e vão... em ti - assim - ainda não!.... se vêm - e mais não se esvaem ficam - assm recordando a imagem.... que.... d@ outro mundo... d@ outro tempo.... @ssim proclama!... assim se entregando... imagens que - parecem que em ti se esvaem... por entre nós decaem.... em teu coração inda moram e choram e pintam com palettes de mil cores.... essas linhas que mais "s@brem"... linhas que @ bem... se descobrem... quando se enamor@m... do qu@ em veradade...asim puderem - ver - o que forem e os que ainda voltarem... assim avir ver ali onde convergem os rios que "mergem" - essas compaixão se voltarão a Bem erguer (em)






DESDE AS TERRAS D@ MAIS ALÉM - ADVÉM SOPRO QUE BEM PASSA E DESDE AS TERRAS AQUÉM DO  SOPRO - ESSE POR ENTRE NÓS PASSA E VIVE E DILATA AVIDA ASSIM SE ANUNCIANDO E PEQUENAS PONTES ENTRE-VIVENTES ASSIM .A BEM SER - ANUNCIANDO . SEM PROVOCAR DORMENTES ASSIM PRATICAS DE VIDA QUE SEGUIMOS HONRANDO...


esperanças no peito detidas sustidas retida sou libertas ... @ah! liberdade!.... loucura!... em idade.... assim sendo:

sustida qual formosura pura e livre se esvaindo....ao vento... chorando!.... lágrimas...tantas!.... quantas  a tempestade.... bem souber chover.... sobre o rosto @ descoberto... de quem assim tenha descoberto o seu Ser para@ bem receber...

Por entre a tempestade -assim....nua! @ idade... sendo lida.... assim... a idade de coração...  mais não sustid@... ess@ idade.... que é d@ vida... a promessa antiga !

 que bem: se expressa... une e entrelaça... e assim bem nos trespassa:


 de alegria! de ser d@ Vida...  de alegria! de ser d'esprança... de alegria... que na mais ínfima...nota ouvida quais as suaves risadas por entre as asas das aves trazidas - desde o mais longe... do mar... antigo desde.... ess@ fonte... que nos leva... bem mais além do p'rigo...





 nessa tal  lonjania... qual fogo pleno e puro -  um relâmpago!.... que a vida toda exprima...


 e mais não expressa.. sendo - que nem tem principio nem fim nem tem baliza nem se sabem« onde recomeça nem quando assim se diga que mais não sendo...  nem de  rapaz... nem de rapariga.. essas infâncias tão grandes tão puras quais GOTAS CRISTALINAS NA TEMPESTADE 

 - dessa tal IDADE... dessa natalidade por sempre pristina... que se anuncia... nesse tal SER QUE É TODO... QUE SE SEGUE... ERGUENDO!... 

NA MAIS ÍNTIMA LONJANIA... SE SEGUE - DEPOIS - ESQUECENDO... 


RELEMBRANDO- SEU ESTRANHO BRADO DEPERT@... "nos" despertando.... a seu tempo e depois - humilde... gigante!... A BEM SER ... se retirando---

 para  "seu" - ínfimo lugar.... para ese "seu" contento - para nosso vosso... a viva voz - sendo escrito e menos bem lido - esse @ "teu"... contentamento... de não.... assim... vergar.... nem rasgar!...

(e continuam procurando crendo e definido como outrem iguais assim expressando assim comentando... assim exprimindo... - na mente procurando 

- que nessa caixa... d@ raiz...maravilhosa! caiba... @ mais simples...@ mais humilde... @ mais suave...

 lágrima de saber a sal - honrosa - mas não explicita... nem explicitada... nem tendo por ventura.. uma causa... @ sua origem... por sempre sendo - estando - vivent@ Ser -  - para esses e essas -  @INDA VELADA)...



 
























quinta-feira, setembro 24, 2015

das lágrimas dos seus olhares do smuesencontros em lugare spares e das isntonias que sejam harmonia um dia - ensejam - asim bem sonham e se vão ransformando em uma espiga em uma trama em uma filigrana que é de prata que é bem doirad@ - que trespassa a pele e ilumina - @ mais intima e profunda" - @ mais alta alvorada...!

UMA ESFERA @SSIM ENAMORADA -  UMA ESFERA - POR ENTRE "HARMÓNICOS E HARMONIAS" D' ESFERAS QUE VAMOS ASSIM COMPLETANDO - CÍRCULOS SE ENTRELAÇANDO GERANDO NOVAS VIDAS... DA NOSSA ESTIRPE E ORIGEM @ PROMESSA ESSA QUE BEM SE ANUNCIA E MAIS NÃO SE DESVANEÇA....

 - POR DENTRO...  NOS CONVOCANDO.... NA PRATICA D@ BEM AMAR... D@ SEGUIR E PERSEVERAR... . NA LUZ DOS NOSSOS "DIAS"... ESS@ SENTE A BEM PLANTAR SEGUE SENDO ESSE BRIO QUAL BANDEIRA VIVENTE EM REDOR DA VIVA - DA NOSSA AVIVA GENTE . ONDEANDO SEMPRE LIVRE.... SEMPRE SER VIVENTE.... AO VENTO.... QUE É LIVRE,.... VIVO E É BEM - TRANSPARENTE... 


NEM SE EXPRIME NEM SE EXPLICA NEM TEM NOME E SE BEM SABE QUE BEM ONDEIA QUE BEM CHEGA A QUEM ASSIM - SABE @ SER...

quarta-feira, setembro 23, 2015

INTERAGIR COM @ SERES - QUE MAIS SE PREZA AMAIS LEVE E LiVRE E VIVA a humana natureza que bem se proclama quem bem por" tI" - CHAMA.... QUEM BEM POR TI.... CHORA.... QUEM BEM POR TI.... MAIS NÃO ESQUECE.... NEM DESVANECE.... @ BEM.... APARECE! - NA SUA HORA... jamais se esquece....


caminhos todos o dias - por devoção pratica - nos levando - para o centro da vida a para saber assim sem saber chegar - chegando... voltando assim enviados os trilhos as veredas - velad@s - ficam as palavras poéticas palavras e melodias a«ouvidas águas -  "inauditas"! para que bem as vejas para quem... as leia... para que bem as revejas.... se assim em ti - @TAMBÉM -  são força e forma... d@ vida!... em si mesmas... te podem elevar - também....  elevam! 

- @! quem mais além ou assim te ampare - @...bem... te espera!...

 ....te amparam - braços invisíveis que guiam tua dança quando na dança de ser de vida - impossível  o ser a consciência: @! sentir!... @! sentido!... @! coração jamais partido - jamais partindo bem assim encontrando:


... raízes de viver e brio de candura assim  - bem sendo - @ssim -  @ bem... te elevando...



 -...@ tudo que és ...  !com@ção"! -  vivida... opção de vida-  se bem... entregam.. momentos quais as antigas... quais ventos que calmam desd'aoutra margem...


...mente cegam -@ dormente... acordam e na mais humilde barca:.... d@ folha - que vamos nós assim- virtual - virtude - assim em "virtude" -  vendo - @ssim concedida: 
- @ sendo - resguardada 

- pelo mundo inteiro vista.... sem ter sido.... encontrad@... nem compreendid@... nem descrit@.. por letra alguma... até agora.... inventada...


d@ prosa... d@ poesia.... entrelaçada - levam por entre "as aguas"..

d@ renascer... de novo... por entre.... os riscos do nada e - em força - dos pilares mais bem  ancestrais 

- bem regressa - esses ainda assim - @ bem trazem... @ que em Natureza.... @ Vida ecoa..  nas melodias... ainda  @ bem... soam... e as viv@s Humanidades... ainda - @ bem.... SABEM...






assim se deixam levar.... PELOS BRAÇOS E OS MAIS PLENOS ABRAÇOS:  FINOS E VIVOS - POR VEZES PARCOS - ESCASSOS SE BEM NÃO SE VIREM - SE BEM NÃO SE ENCONTRAREM SE BEM NÃO  SEGUIREM AS LINHAS A VEREDAS PARA QUE @ BEM POSSAM... SER - ESS@  EM NÓS... PERMANECENDO... PARES ...

- abraços d@ Brio.... d@ Vida@...


 e assim também te dizem - em voz clara que aguas mais primorosas... expectantes -  por entre os tempos de lágrimas... preciosas.... mais finas: Rosas: 

- ORVALHO-  ESTRELA DA TARDE -  - ASSIM CHAMADA estilizada qual flor das águas) EM PROSAS DE OUTRAS GENTES QUE @ BEM... DA ARTE... DE VIVER.... AINDA PERSEVERAM... SENDO ASSIM PARTE - DESSA FORÇA @ EMERGIR - SENDO - DESSE ALGO DE HARMONIA@NTIGA @MIG@.. NOVA SE ERGUENDO...

domingo, setembro 20, 2015

ESP'R@NÇAS PROCLAMADAS NAS VISÕES DE CRIANÇAS FESTEJADAS... penas e plumas... ainda mais não escrev@m... nem descrev@m... as realidades tão puras...tão vivas e tão... singelas...

"inaudita" figura... em ti sendo - plantada - qual gérmen d@ vida - esperando - assim se compadecendo - assim eco de vida entoando... por entre ecos... de viver se erguendo...


 assim alimento e alimentando.... um de-redor de flores de Abril de Maios... plantados e de Marços mil - aguas! - assim reencontradas - nas sétimas linhas assim bem casadas nas mais extremas assim bem prendadas e nos lugares de "outeiral" - de agua de brio de rocha ao Estio -  mais não vergando - sendo sempre -  verdes e sempre de pureza @ bem rotando...


 assim festejadas... nos tempos.... de ponteiros de agulhas pregadas

 - cruzando os tempos e os lugares (por terem sido - pela própria - assim autorizad@s)

 - assim manténs - TU - OH SER! - os justos nos seus lugares e  lares - fogos mil acendendo- qual cristalinas sombras pela noite fria erguendo  quais "canduras" de viver quais as imagens de rubi nascente assim incandescente o vivenciar até que de azuis seja a flor - PRESENTE...




 - c@antares - até bem ser - em colina e bandeira - luzidia - esmorecendo - e luz verdadeira - assim vista desde a lonjania.. assim "jauria" sendo atraída pela luz mais primorosa e em de-redor assim se esbatiam
-as de capa escura... flor honrosa -  até que umas e outras... tantas e tantas flores.... se erguendo e dos céus... umas "chamas" -  verás - verazes assim e de novo..

vezes sem conta recaindo qual uma "nuvem iluminando a noite" -  cobrindo -  qual uma chuva d e Primavera... esbatendo o brio do Inverno -  que é Fero.... se deixando e voltando... ao lodo... ao buraco - ao profundo - do abismo de fim de mundo de onde fora... assim chamad@.... por seres que tem assim procurado... se bem investir... de poder... de gloria... de memoria... a par mais não "se deixar - morrer" -  por medo de o ser - morte e vida -  uma só sorte... e uma só sintonia... sabem bem as gentes... as vivas gente que trazem as gentes à vida...!



sábado, setembro 19, 2015

POEMAS QUE APENAS - T@ SABES LER...

A ESTRELA MAIS PEQUENA MAS ÍNFIMA NA NOITE MAIS ESCURA MAIS BRILHA E  O  CORAÇÃO E A CORAGEM QUE BEM @ AMPAREM ASSIM @BEM ELEVAM E @ LEV@M PARA ONDE MAIS NÃO FALT@ -
...NEM ASSIM SE CALE...
AO CIMO DO MONTE
QUANDO ESP@RANÇA DE FAROL... SENDO

- E AO MAIS PROFUNDO QUANDO É DO PRÓPRIO TEMPO... O SEU BRIO E FUNDAMENTO...

(MAIS ALÉM)

terça-feira, setembro 15, 2015

A PROMESSA - PARTE II - uma lágrima assim germinada - por entre o que era de todos tudo e o que era de uma pessoa quase nada....

 - por entre jardins e vidas - assim reunindo se vai - reescrevendo  conta comigo - amiga- sendo em espaço e tempo .- qual um fundmaneto de viver - de cuidar a propria vida - até germinar esse casulo sedente - essa flor ainda ausente - promessa - estando em nós - assim  @a prometida (escondid@) - conta comigo - amiga - amigo e conta com tua mão fiel devoção e conta com a epsrança de alcançara bonança - quando esta parece ser - qual um amão terna suave de fiel  criança assim  qual mariposa permanecendo -poisada - pro entre o tempo e o espço - vivente - forma de ser em gente em forma de avivar - a chama que em nós ainda é vigente e que por bem mais CLAMA... essa @ FORÇA QUE AMA e que em nos se transforma - que repousa quando asim - dorme - e que desponta quando o dia assim - @ defronte...



 assim de uma forma bem...
discret@

de uma maneira - ão indirecta - que nem se sente e vai por dnetro  na mesma
evidente - real - sendo
realmente assim iluminando essa flor de vida que permanece:

- assim resguardada... esquecida... @ssim!- @ prometida flor - ess@ que renasce... em cada momento que @ deixas - bem estar... bem perto - se abeirar - e assim - em ti também - é - parte.... depois se esvai e se eleva e um dia uma noite quem sabe se o teu peito ainda - assim - cabe - de emoção - assim se deixa ficar  e iluminando - vem assim acalentar:
- assim aquecer d@ viver... uma outra linha... d@ poesia... do teu poema - desse nosso vivo tema:
-  num outro canto...



a elevando com suaves aaguas e a cuidando com beo - livre - verdadeiro saber olhar... a vida em de-redor te ensina a minha atua anossa - sina
em flor de estimada alvura em flores d emais candura em viver em rotina esticando - um i«fio de conviver - em subtil trama se entrelaçando - qua uma seda de um casulo que se vai enrolando - tão fino tão sublime que auno em si mesmo - se exprime - os er que o tece -s evai ENTREGANDO até que - RENASCID@A  flor diurna - de entre a noite fria  e soturna - de ter estado de se estar ficando assim aparente - adormecendo no entre-tanto- tanto tant@s ssrees de bem perfezar que um di aum anoite luzidia renasce e ssa flor de bem querer
quais asas polidas assim ao vento - livre - quais os v«brilhantes - diamantes mais vivo spro entre espaço e firmamento....
mariposas assim formusuras que bem os tocam que bem nos guiam que descansam  assim sustentam a as esper'anças que nos - bem - auguram - alimentam a candura... a coragem e o brio por entre a fria . aragem e o calor mais perdido - que ainda (se) procur@...
se vai esp@lhando 

- de

pratica acalorada a reviver....
essa ave que por vezes assim

se esvai e volta e --

regressando tanto tanto de si

- de mim - doa... e masinão

tem volta o ciclo de seguir

assim paticando umas vezes -

assim - desfazer para outras -

assim - integrar - tanto...

tanto...

segunda-feira, setembro 14, 2015

A PROMESSA - PARTE II - uma lágrima assim germinada - por entre o que era de todos tudo e o que era de uma pessoa quase nada....

 - por entre jardins e vidas - assim reunindo se vai - reescrevendo  conta comigo - amiga- sendo em espaço e tempo .- qual um fundmaneto de viver - de cuidar a propria vida - até germinar esse casulo sedente - essa flor ainda ausente - promessa - estando em nós - assim  @a prometida (escondid@) - conta comigo - amiga - amigo e conta com tua mão fiel devoção e conta com a epsrança de alcançara bonança - quando esta parece ser - qual um amão terna suave de fiel  criança assim  qual mariposa permanecendo -poisada - pro entre o tempo e o espço - vivente - forma de ser em gente em forma de avivar - a chama que em nós ainda é vigente e que por bem mais CLAMA... essa @ FORÇA QUE AMA e que em nos se transforma - que repousa quando asim - dorme - e que desponta quando o dia assim - @ defronte...



 assim de uma forma bem...
discret@

de uma maneira - ão indirecta - que nem se sente e vai por dnetro  na mesma
evidente - real - sendo
realmente assim iluminando essa flor de vida que permanece:

- assim resguardada... esquecida... @ssim!- @ prometida flor - ess@ que renasce... em cada momento que @ deixas - bem estar... bem perto - se abeirar - e assim - em ti também - é - parte.... depois se esvai e se eleva e um dia uma noite quem sabe se o teu peito ainda - assim - cabe - de emoção - assim se deixa ficar  e iluminando - vem assim acalentar:
- assim aquecer d@ viver... uma outra linha... d@ poesia... do teu poema - desse nosso vivo tema:
-  num outro canto...



a elevando com suaves aaguas e a cuidando com beo - livre - verdadeiro saber olhar... a vida em de-redor te ensina a minha atua anossa - sina
em flor de estimada alvura em flores d emais candura em viver em rotina esticando - um i«fio de conviver - em subtil trama se entrelaçando - qua uma seda de um casulo que se vai enrolando - tão fino tão sublime que auno em si mesmo - se exprime - os er que o tece -s evai ENTREGANDO até que - RENASCID@A  flor diurna - de entre a noite fria  e soturna - de ter estado de se estar ficando assim aparente - adormecendo no entre-tanto- tanto tant@s ssrees de bem perfezar que um di aum anoite luzidia renasce e ssa flor de bem querer
quais asas polidas assim ao vento - livre - quais os v«brilhantes - diamantes mais vivo spro entre espaço e firmamento....
mariposas assim formusuras que bem os tocam que bem nos guiam que descansam  assim sustentam a as esper'anças que nos - bem - auguram - alimentam a candura... a coragem e o brio por entre a fria . aragem e o calor mais perdido - que ainda (se) procur@...
se vai esp@lhando 

- de

pratica acalorada a reviver....
essa ave que por vezes assim

se esvai e volta e --

regressando tanto tanto de si

- de mim - doa... e masinão

tem volta o ciclo de seguir

assim paticando umas vezes -

assim - desfazer para outras -

assim - integrar - tanto...

tanto...

@ sonho... de um@ poesia - uma força d@ Ser... d@ fronte... da viv@ fonte - um@ ponte - e uma via - d@ vida... (renasce em dia dormente noite lusco fusco ainda sendo em promessa permanecendo) I

depois - manhã - alvorada!


...saúdo ao dia... que por @LUMIA...


por dentro... assim advém

 - e mais - nada! assim @ detém!...

quando é de verdade assim sendo- quando partilha assim se encontrado... quando @ vemos entre espelhos e olhares... d@ bem ser... d@ bem dizer... assim nos revemos... a nós... (de luzidia força e forma de assim condizer - sem saberem ter sido tantos) tanto tant@s!
assim @ bem seguir - consequência:




sair porta fora... desde @dentro...

dessa fria demora e entrar no tal - elemento...

do dia @ dia... d@ saber sentir e refazer...
ecos de memória de uma mesma - nossa:

.... @ VIVA HISTÓRIA....

 que em espirais... bem reiais - assim nos animam
@ ver @ sentir @ colaborar - no ir...  voltar...
...vogando...


UM SONHO
 - se transforma e assim se enriquece... em cada ser que @ bem... se doa - assim se esquece...
e na noite
- assim chora
- durante o dia
- bem sendo
- luzidia...

... força que nos vai por dentro - renascida... transformada essa a flor e forma d@ vida...que nos tem sido - assim - outorgada....
 @ saber... ver... @ descobrir - assim em facto e obra - renascida sendo -  renascendo

 - sendo em peito - qual rebento... quando ainda não florida - um fiel sustento de ANIMO... ainda estando - assim sendo - tanto TANT@S flores... nestes vales - "de mil amores"... ainda se esvaindo... até se abrir em - ti  - assim florescendo

- qual olhar de encantos - mil - recantos... assim - recobrindo.... d@ teu saber... d@ teu querer... para... depois voltar a viver...

esse algo... que nos bem quer...tanto! que fala por dentro... sem nada dizer... que planta sonhos e histórias.... por entre as antigas - vividas memórias.... na noite... ainda sendo escritas... assim mais não ditas(secretas - quais palavras de poetas ainda não nascidas quais as veredas que bem projectas ainda não assim - bem estabelecidas - quais os lugares para caminhares... que anda bem vejas... (por devoção por algo que assim - ainda respeites bem mais do que desejas)

- ainda que mão em mão... ainda não esteja - por ventura - bem - encontres - em coração - ess@ devoção... de @ bem transformar - o sonho - ar -  sendo - em terra - de opção plena -  bem sendo...)


.... e no dia @!... sim!... nessa tal - h@r@ renascendo!....





sexta-feira, setembro 11, 2015

A ESPADA DA PEDRA A ESPADA DO FREIXO AESPADA DAS AGUAS - QUAL FALTA - FORJA TU TUA SORTE E VÊ O ELEMENTO QUE VAI ALÉM MORTE



UM SOM DE ESPADA @ NASCENTE DE VERDE E INVESTIDA 
 DAMA DE BRANCO 
- de fulgor de reflexo... por entre as aguas... aparecendo ficar... banida...

BEIJANDO... AS AGUAS O RIO DAS AGUAS... O SEU FLUXO DE SABER... 
AMAR
REQUERER

marés se elevando  e os rios assim "palidescendo" quando o luar merece tanto e o dragão assim  se vai erguendo 
quando as artérias

 d@ 
Vida 
TODAS UNIDAS SE DEIXAM BEM SER

 ASSIM SE SO-ERGUE ALGO 
QUE 
VAI POR DENTRO CRESCENDO
 ...ser assim requerido sem sequer se saber...






TRÊS TEMAS
UM SUAVE E SUBTIL UM ESPIRALANDO E UM DE VOZES DE SE SENTIR ASSUMIR DE SABER ASSIM REQUERER
QUANTO MAIS SE SABE MENOS BEM SE ESQUECE E O QUE BEM POR DENTRO ASSIM   ....TAMBÉM - MAIS BEM -  ASSIM...PREVALECE...





 , TANTO ASSIM ENTREGUE DOAR AQUEM BEM @LEVE 
ASSIM A UM CERTO LUGAR 
ESPADA PARA UNIR GENTES 
EM 
VEZ DE SEPARAR

 - DEFINIDAS - 
 AS 
LINHAS 
AS 
ONDAS

MEIGAS 
MAIS
NÃO


SE 
DESFAZEM UMA SEGUND@
BARCA
PORTU

IDADE


NEM 
TODAS AS GENTES 
ASSIM 
SÃO 

...BEM CAPAZES...

DE
UNIR COM TESÃO
doirado o ser que desde sempre 
esteve e estava 
assim 
bem 
ao
lado

lado a lado assim se entre-pondo
 um rio de bem fazer 
uma agua verde
 sendo aqui 
onde bem mais 
não
poderia 
deixar
de
@
ser



Uma imagem .- num rio reflectida numa manhã qualquer quando o tempo não tiver significado e quando o vivenciar do tempo seja por dentro igualado assim qual uma@ luz que renasce e se -  @ bem - assim se reflecte... e se compromete sem nada dizer sem anel sem uma ancora... assim se poderá refazer...



quinta-feira, setembro 10, 2015

AS LÁGRIMAS DE ESPERAR DANÇAR E PER SE VER AR - NUM MONTE NUM EIDO NUM TEMPO SEM TEMPO OU LUGAR ....ALGUMAS CHEGAM E LÁ SE AGITAM- NO FUNDO PERSEVERAM E MAIS NÃO DIZEM- GRITAM...! OUTRAS NA TERRA SE ESPRAIAM E PLANTAM VERDES ESP'RANÇA E UMAS TERCEIRAS LEDAS NOS CÉUS NOS BEM GUARDAM....

assim unindo @ bem ...devagar... DESDE 2005 - "ANIVERSÁRIO" SEGUIMOS - e seguiremos -  @ PUBLICAR - MAIS OU MENOS @ DIÁRIO 

- "ESPARADANÇA" - ainda sabemos ouvir esperar e dançar - as três sendo uma e mais - quando unidas serão as "reiais"...

- A ÚNICA ACÇÃO DE UM SER -  QUE RI QUE CHORA -  QUE JÁ NEM SABE SE CORAÇÃO MORA... POR DENTRO... VAI.... POR FORA SE "ESPAIRA"... E CHORA E SORRI... POR ENTRE ASSIM... O QUE TRANSFORM@ DA MEMORIA intima - da sua força mais fina da sua mais alegre franqueza da sua mais singela pobreza fazendo poesia e prosa e tema - de franquia assim elevada sem ter de viver - vivendo (vivenciando) e deixando a sua vida assim - PARTILHADA...



-A VIDA CONDIZ - E MAIS NÃO DIGA QUEM MENOS SAIBA ESTE QUE ESCREVE - ASSIM MAIS NÃO descreve 

- o que por dentro de si - saia - até tocar... quem assim encontre... num certo lugar... numa certa força chamada de "fonte"... esse o caminho seguido e o ser que possa seguir o restante também quais seres amig@s uns dias se encontram e outros se bem atrevem a se despedir - por ventura por se encontrar dizem os de uma lado "até logo" nos dizem- daqui além - a "deus" enviam - 

 "aqui" - há de tudo - um pouco... de louco... a sábio.... de saber.... a sabedoria.... de seres de amalgama plena e de pureza a mais pura... @ mais branca! @! mais densa a mais negra bruma...

 - e entre quem assim nega e renega... a alvura de um rugir... de relâmpago @ abrir... esse rubi incandescente que seria 
- o anel de bodas de um ser que nascesse... dessa "agua desse sol dessa VIDA"- e em harmonia assim os refizesse...

 - desse maior - @ BEM - corrente - doado - mais não taxado - como agua e céu e ar - agora sustido - pouco a pouco sendo quebrado -para dar taxa a quem nos pretenda assim
- VERGAR...

quando "outrora" - mil anos uma hora - era bem simples saber - andar estar e saudar sem medo sem maior degredo - semeando -  sem maior altivez... do que aquele ser d@ vida... que ainda@ descreve... escrevendo @ sua própria - vida através de si sendo nomeada e as letras e simples tons e sons e as palavras e a imagens e as gentes e os sentires e os sentimentos e os braços e as roupagens.... @parentes -  pontes alem lamentos são lidas e a crescidas de veraz solidez... por hora parece - que se mora -  que se vai embora - um dia. por ventura melhora - assim- a vez - seja a tua - seja a minha - de bem passar por entre aguas de e um rio de um sonho. brio que por sempre nos está a bem soar -a bem chamar a bem - arroupar- sendo assim qual chuva que mais não se permuta sendo o que nos deu - origem e que assim - se transforma e mais não imuta... esperando amando e - se bem fazendo em formas e forças humanas assim nos elevando... chamando- e por ventura nos ajudando - transcendendo... elevando as barcas de viver e o vivo ser que assim levamos POR DENTRO...


vida - num carvalho num "freixo"... num teclado
-.que sendo assim. qual fiel de balança de uma nota d'esprança... de uma ode: bem universal 


-  de ode universal- que encaminha poemas e poesias que - de certo - de PEITO ABERTO mais ninguém quer nem requer... nem vai LEVAR... nem a BEM nem A mal...

assim vai ler e reler - e sentir esse mesmo ser . em si mesm@ a divagar... até a bom porto de arriba - assim chegar e arribando - um bando de fiel encontro... cântico de promessa devida soubera a bem - evocar recordar e entoando em vez de  se ir esvaecendo...por  entre o mundo - de formas -  de tanto ou quando - verazes e do que as formas assim transformam - em "formas parecidas e menos ou mais bem capazes... ficamos com as palavras que bem são nascidas de um peito eloquentes aves que são quais - de irem além ente e trazerem novidades dos lugares que tu bem sabes...






 


AVES QUE ERAM LARES CONSTRUÍDOS LADO A LADO - ANTES D CABOS DE ELECTRICIDADE ASSUSTAREM ESSES NOSSOS LINDOS E BELOS FADOS...


UMAS AVES - ANDORINHAS PEQUENAS AMIGAS DE PRIMAVERAIS SONS QUE ANUNCIAM VIDAS E SONHOS - QUE MAIS SOMOS E MENOS - VEMOS- MESMO QUANDO SE ANINHA...VEM POR ENTRE O QUE MAIS SIMPLES ASSIM TEMOS - O BARRO DA TERRA EM CASA SAGRADA ERA PELA VIDA ASSIM - HONRAD@....


pequenas em horas que voam e esvoaçam por entre HORAS  E horas NOS FIOS ELÉCTRICOS ...SENDO PENDURADAS E ANUNCIADO PRIMAVERAS PARECEM SER AS ANTIGAS AS QUE SE ACHEGAVAM - AOS BEIRAIS E ASSIM - SE COMPRAZENDO 

- assim se achegavam e animavam @ vida que bem elevamos por dentro...!


 que era a nossa própria... vida  - ess@  força que mais bem se e enamora 

- essa a força de vida... que é aspirada essa força mais lida... por entre quem ainda vê  e AMA...

- agora  - seu TUBO -  quem ainda nem lê nem  - vê nada 

- uma apelo - de natureza -  pela outra que é d@maior - @ mais pequena (flor silvestre que permaneça - tempo infindo - jamais se esqueça que flor de estufa - preparada - assim para ser dada - de mão beijada)...



 




 

terça-feira, setembro 08, 2015

quais lagrimas quee scorrem dos teus olhares meus - céus - que mais não dormem - assim em torrentes desiguais sendo - assim incandescentes ou frias: d@ vida sendo - @LIMENTO....



Quando as vestes se desvanecem e uma forma - uma força de 

vida em nós... sucede... - cresce -... mais não sendo do que um@ 

forma de vida  pairar... pairando:

- qual vento... qual brisa... ess@ que por dentro se anuncia... 

que se transform@...  e @ bem nos tr@spasa:


-  ess@ nossa própria forma... em forma... humanizada -  d@ asas - ao ser que por dentro bem  sonha que 

voa 
@ que chega@ 
concretizar os sonhos de onde os sonhos 

assim - ali @quem -  tempo - bem se podem -  @ssim..

encontrar

  e

@ ilumina... a terra o sonho  a sina 
@ própria vida 
em jeito feitio
@
forma 


de saber viver - uma força que bem - assim requerida- nos toca 

e nos motiva de novo...@ saber... nos...  erguer...

segunda-feira, setembro 07, 2015

ESVOAÇAR DESDE O AR MAIS CÁLIDO ATÉ AO ERMO MAIS SERENO- ESSA @ FORÇA DE VIDA QUE SEI E QUE TEMO - (S) - POR DENTRO...

TANT@ FLOR DE VIDA -ASSIM ENTRE NÓS RENASCENDO - QUAL A FORÇA ESCONDIDA QUE É PRO DENTRO - QUAL UM LAMENTO QUAL CANTICO AO VENTO SENDO VENCID@ QUANDO O UM FIEL INSTRUMENTO D«FAZ DO SEU ENCANTO UM POEMA - DESERTO - ASSIM EM FLUIDEZ TRADUZID@ - QUAL O MOMENTO NO QUE NOS TOCA E CONDUZ - ILUMINANDO - ASSIM ESSE SER DE VIDA VIV@ EM NÓS...ASSIM SE ... TRANSFORMANDO...





- assim esvoaçando... ES VOANDO - assim qual pedra firme... que o tempo oclui - sem assim pode ter - de ser - quando se liberta em mim e em ti "@AH" tanto "@ TANT@!" força de viver, de bem ser - ess@ que ilumina... @limenta a vida... de mil e uma formas nos proclama - nos bem ama - nos chama quais vivas sementes enterradas... em seio vivente - quais  chamaradas! d@ Ser  - vigentes!
 por entre as veredas... @s mais antigas... @s mais proclamadas...   pelo meio - destes nossos vossos - meios - esses Eidos -  amigos antig@s - caminhos mais não OLVIDADOS - mais não perdidos - apenas dormentes . quais seres sementes que permanecem - esperando - suaves e cálidos - tombados - por entre os outeiros de viver - assim ecos verdadeiros de águas  a vencer -d e verde esperança anunciado - por entre as colinas e os vales "prenhes de fores"... assim estando coroad@s... 

- ess@s da @lvura e de coragem - quando o frio do Estio parece anunciar... outro tipo de brio ou de aragem... vem essa força ancestral - nos LEMBRAR - despertando - NOS ENCANTAR encontrando - @ nos ver... de espelhismos em espelho de viver - tanto tanto ser de poder assim despid@assim de brio o ser mais humilde assim - alto - mais não altiv@...

quinta-feira, setembro 03, 2015

@ semente!

EIS A SEMENTE - DE TREVAS DE CÉUS DE QUIMERAS DOS TEUS OLHARES DOS MEUS ASSIM DE ONDE CEGAS AS VISTAS AS PERSPECTIVAS QUANDO CHORAM - QUANDO CHORAM - OS CÉUS - AS NOSSAS - RUAS ASSIM - VESTIDAS - quais seixos de viver sendo trabalhados - tocados sentimentos lidos - por entre os passos mais antigos e pés mais 
...calejados...

uma 
 - praia e uma rua - 
..QUALQUER...

(MAL ME QUER)

ÉS 
vida
@ssim 

SE
assumindo


D@ 
PERDER


és 
@
tema de viver 

sem 
ter
DE

sido 
- assim -

sentido







qual 
uma 
semente 



qual
@
flor
da
@
ser
vivente
ASSIM

sendo

NASCENDO

de 
seu 
próprio ser
PRESENTE

(sem ti ment...)




flor
d@ 
SER 
VIVENTE 

(@! nascente! - @a mais bela - flor de vida)