Música

sexta-feira, abril 13, 2012

Luz








Quando o vento da vida sopra de frente…
Posso baixar a cabeça e empurrar
Posso olhar a vida nos olhos e acreditar…
Posso recolher-me a meu canto, esperar que o mundo faça alto… ou posso sonhar

Há uma estrela no céu a brilhar POR TI – replica uma voz
Uma voz interior, aquela voz de amor, que todos ouvem ao passar
Eis a tua estrela a brilhar!

Vai em frente, olha a meta como horizonte, aprende que a vida te deu um nome…
faz teu nome germinar

Esta vida – é, inquestionavelmente – para amar…

Uma gaivota plana ao de leve, asas estendidas ao vento, corpo hirto – vontade presente… voando, pairando… seu corpo entre o efémero se elevando… aprendo… a voar

O horizonte anuncia o sol, as flores dos campos levantam o olhar… já é tempo de desabrochar

Sem comentários: