Música

quinta-feira, junho 11, 2015

ALÉM DAS PALAVRAS - EXTREMOS QUE SE ABREM - QUANDO TU ASSIM BEM AS FALAS - PALAVRAS BEM FADADAS - ASSIM TRANSFORMADAS EM LINHAS - MELODIAS - EM TI DESCRITAS .- ESSAS SENDO - ASSIM EM TI @S ANINHAS - UM LEDO SEGREDO- QUAL DESVELO - QUAL ENVELOPE MEIO SELADO - SENDO POO SEMPRE- MEIO - ENVIADO




VIAS E CAMINHOS E ESTRELAS
SINAIS DE VIDA ENTRE ESFERAS
ASSIM ESCRITAS´POR DENTRO DESCRITAS

em
 romances e poemas e poesias e aragens 
de 
tempos e paragens


assim em perspectivas
revistas
vidas estradas e vias e vidas entrelaçadas





desde o alto 
- quando - 
 a
sonhamos
a via e a vida


assim 
perspectivamos

(força e vida
vale em si cristal
 - quando a força de vida em água e luz reflectida - 
é semelhante e afim e afim sendo 
- quase - quasigual)




(QUAL LINHA ESQUECIDA
 DE UMA
 MELODIA
- TUA E MINHA -

 QUE 
TENH@ 
DEIXAD@
DESCRIT@

- TU ASSIM ÉS
TU ASSIM VÊS 
TU ASSIM TAMBÉM ÉS
 À MEDIDA QUE CAMINHA

- ESSA 
TUA A MINHA
A
DE 
SER


LINHA
DE 
PODER
@
VER

MEU E TEU
 RENASCE

QUANDO
ASSIM
EM


 - VOZ E VIDA - 

(HÁ SEMPRE ALGUÉM QUE O SAIBA LER E REVER - À LUZ DE UM DIA MAIS CLARO E À LUZ DE UMA NOITE QUALQUER
HÁ DE HAVER QUEM A BEM TE SAIBA VER E HÁ DE SABER ASSIM A BEM TE
BEM
RECONHECER)






















Sem comentários: