Música

sábado, outubro 17, 2015

Por @ntr@'s @guas

Um@ 
certa 
noite

- Íntim@...





...quando as coisas... 
@ssim 
mais não 
sendo 
- @ssim certas...
profundas certezas
ou 
@ mais pur@ 
sentimento!...  

quando os dias parecem
 se abrir... par@s noites 
serenas noites
dentro destes
nossos encantos 
mil... folhas sendo temperadas
mil memórias.... tend@... send@ 
esquecidas... erradas.... marcadas

levando ao centro
vistas por dentro...
 levand@ sentir...
 sem ti... @!... 
...sentimento!...

quando... são lidas...
quando @! sim!...

...vistas... 
a
deslizar
em...

outras fontes 
por entre outr@'s
....nascentes...
...indo e vindo...

@! sim!
por @ntre... outras gentes...


por entre as outras veredas 
...tão lidas... tão quedas....

...por @ntre outr@'s... 
...vertentes... essas tais.. @s nascentes
...jorrando...
em mil e uma ideias... 
@ mil e uma histórias:

 tão vivas;
 tão cheias

ecos dess'@s mil memorias...
por dentro, se multiplicando...



parecendo
 assim 
quais graças 
quais idades 

quais @sentir 
por @ntre... 
@s vontades...

aguas correntes quais
ess@s histórias... 

ainda em mim - 
...ess'@ em ti....
...velad@...


ainda sendo 
@guardadas


vivas
reflectindo
ess'@s 
outr@s

as vidas
que se revejam
também se vejam...

@ssim... 
chorando

indo... 
so...
rindo!

qual agua
por entre: 
um curso 
de um rio


qual ser
d@ 
vid@ parecendo... despid@

qual ser
vivente

por entre 
as aguas 
da vida

em direcção 
@ nascente!

send@ dentro

qual 
subterfúgi@ engano
qual
ess@ rio profundo..

fulgor anunciado
fulgor tal... profano

fulgor de um momento! 
d@ vida sendo revivida!

revista...
@! sim!
reescrita:

pel'@... 
...sua...
@ tua 
@ minha

...desgraça... 

@! 

desdita!


@ssim: 
trespasssad@...

 pela flor de um momento
 ...sem ter... 
nem @ hora... marcada...

@! poder de um@
...letr@ doirada...

d@ um@
frase

@!
send@!
...@bafada...

@! força de um tempo!....

d@ vida!...

ess@ que @ vida 

convida

 @o
 já
se
ter

 ...id@... 



...@!
..sim!...

@!
volta 
doada

...relembrad@!...





@!
vida 
de 
um 
ser


HUMANO!





dess@ 
um
que se tem assim
multiplicado
pela palavra dita
pela desdita
pelo @ sentir
...sentiment@!...

...ess@...
 ...mais...

 consagrad@
 ou 
profana

via @ 
via @! 
vereda

d@

um sentido um sentir
um sentimento
@tribui 
ess@ novo... 
tem@...


ser 
@ssim
do@do


por entre 
as aguas... 
da vida 
que @ssas
...palavras!...
viv'@s palavras

 bem @ leva

 para 
@ seu 
amplo ser
d'@ 
am@r...

qual
@!... 
flor da vida!

ess@! 
escorrer
por louvor
por uma suavidade

por algo de ti send@ a Ser 
asim pel@ maior
pela mais pequena
qual ess'@
de 
uma
certa
su@vidade

suave gota
em brio 
qual
@

em vid'@
em
verd@de


ess'@ cristal

lid@
discorre

assim mais não viv@
@!.. 
sim!...

 .


não!...

@
QUAL'
@

mor@m!
vivem
assim 
se
@conchegando:


pela 
face 
rosada
@! for@!
 desd'@ 
dentro
escorrendo
chegando...


qual
ess@
agua 
preciosa
d@ madrugada

qual 
@ss@! 
sentir 
d'@gua!
@!
formos@!

...por @ss@ @ntr'@s... 
...volut @ s @ ntelaçando...


p'l@ noite... 
...@'dentro... 
...esvo@ça@ndo....


@! subindo 
sem abrigo
@ mesm@!

por 
@ntre...
@
frio

dess'@...


...Estio...

assim 
qual @

...petal@...
por @ntr@
...Outono...

@! Folh@! 

@que se entrelaça

ess'@ que rola e rebola... p'los... ares...
send@ assim quais @s -  tantas!...

@ send@'os pares! 
quais @s candeias;
ess@'s que en@moram...

...quais @s
bem @s chamas...

ess'@s que 
entrelaçam:

quais... 
vel@s...

votivas...

ess'@s...

que
en
moram...

...@li! bem send@!...
...por @nd@ passas...

 por vezes quais as lágrimas 
quais as pétalas das rosas 
send@'outorgadas
 quando @ l @chegas

@ ess'@s certas 
ver@das... tão lindas! 
tão ledas!..

@(s) tuas belas... @rtes.. por @ntre as bel@s -  letras... 

são assim qual send'@ parte... send'@s bem descritas - @s bem ditas - 

@s bem - "@sdoiradas"...

por @ntr@'s placas...
 send'@s descritas...
 mais não por dentro... 

sendo ditas 

send'@s...
@! sim!.. 
@! sendas! 
@! VIVAS!
@S SEND@'s

 - @s - 
L@V@S
 - @S - 
OIÇAS

EM TI
POR
MAR
ES 
IAS
A
DENTRO


ess'@s
'ind'@...
por
tu
@
id@d'

h@

HUMANIDADE!
ESS'@ que ind'@... em ti!

se reacenda... qual @ chama... de vida... que @ vid@ sendo - mais não se prenda 

- assim send'@ compreendid@!... 





  

Sem comentários: