Música

domingo, dezembro 07, 2014

Pedras rachadas - quem tem o poder de dar de novo a vida, quem se apressa a julgar... trazer de novo à vida - aquele "tal lugar"...



Uma barca
um lugar

uma lagoa pura
de pureza
o mundo inteiro a espelhar

um coração coroado
a mei
rachado´qual chave para se abrir´no tempo
no lugar´na mão
onde tiver de ir....



brumas de longe
brumas de avós
brumas que nos chamam
que nos falam´na nossa mesma interna voz...



Um lugar meio perdido
no seio abandonado
em seio aberto sustido
seio em seio de novo iluminado


por ora - são as águas
que se erguem´quais brumas
desaparecem

são quais ecos
que se desvanecem
quais pedras rachadas
desaperecem...







Sem comentários: