Música

segunda-feira, fevereiro 10, 2014

Recordar... um dia sete de um mês qualquer




Que as mais-valias se escondem além das paredes de um banco… às vezes num banco de jardim.. por pintar… às vezes entre as flores… que falta ainda plantar… às vezes entre as histórias
De vidas… que se lembrou alguém de contar… às vezes entre os recantos… dos edifícios que são muralhas de vida por animar…

Às vezes vale a pena voltar…


À cultura que nos deu origem e à forma tradicional…

Sem comentários: