Música

sábado, outubro 26, 2013

Pontes de Mar... ver e vogar... até esse outro lugar... esse NOSSO outro lugar...








são negros os meus queixumes...
são tão louco s e tão breves...

esses amigos e amantes

tantos como as natos, ceees,
tantos como as comunidades
que nos põe em cima o pé...

quem são os sinistros?...
quem os vendidos de fatos sustidos

quanto tempo - esperar no Nevoeiro?...
quanto mais tempo
que se desfaz em dinheiro?...

quanto mais por aguardar....?

onde o amor maior
que nos venha libertar
do grilhão de fora
por dentro a apertar?...

basta de lamentos...
viva esse Porto seguro
profundo
para todos os outros
obscuro

que se leva por dentro
e que é porto de abrigo
porto REAL
porto do graal...

até mais ver
se algo
para ver
houver

Sem comentários: