Música

terça-feira, julho 10, 2012

A Verdade do Silêncio



Grito que ecoa sem se ver

Hino profundo na concórdia de se reconhecer

No abraço dado sem pensar, numa mão que ampara outra no seu caminhar

Sem comentários: