Música

sexta-feira, fevereiro 11, 2005


Tudo se vende na avenida deserta, no edificio moral vazio... nos bares da noite inicia-se a fogueira das vaidades que pretende o queimar do dinheiro de estrangeiros sem destino. Tudo se vende... Posted by Hello

Sem comentários: